A influência de São José na personalidade de Jesus

por Redação
A influência de São José na personalidade de Jesus

Jesus viveu numa família humana, junto a Sua Mãe Maria e a Seu pai José

“O menino ia crescendo em idade e se fortificava; estava cheio de sabedoria e a graça de Deus repousava nele” (Lc 2,52). As comunidades cristãs do primeiro século se fixaram na máxima e na força de expressão da tradição oral: Jesus era verdadeiramente o Filho de Deus, e passou pelo mundo fazendo sempre o Bem.

 

Catequese.online

 

Quem procura conhecer Jesus, Sua pessoa, Sua missão, apaixona-se por Ele e encontra o verdadeiro sentido da vida dentro do plano da salvação. É evidente que, durante esse processo em que vamos aos poucos conhecendo melhor Jesus, constatamos a paixão que Ele tinha pelo Reino de Deus, a ponto de Sua entrega incondicional na implantação desse sonho de Deus Pai: “Buscai primeiro o Reino de Deus e tudo vos será dado por acréscimo” (Mt. 6,33).

Jesus viveu numa família humana

Uma coisa é certa: Jesus, durante Seu crescimento e formação, sempre teve ao seu lado uma figura de homem que o marcou profundamente, pela sua presença paterna amorosa, um vivo testemunho de fé e obediência incondicional à vontade Deus. Esse homem foi José, o carpinteiro de Nazaré, o Escolhido de Deus para ser o pai adotivo e educador de Jesus em sua vida terrena.

Jesus viveu numa família humana, junto a Sua Mãe Maria e a Seu pai José. Foi crescendo como qualquer criança de Sua época, demonstrando sempre muito amor e gratidão a Seus pais, Seus parentes e às pessoas que O cercavam.

Leia mais:
Como alcançar a Indulgência Plenária no Ano de São José?

A postura de Jesus frente à vida, Seu contato com a diversidade de pessoas e culturas, o enfrentamento aos desafios, as perseguições que sofreu pela incompreensão de Seu povo, tudo isso testemunha o quanto José ajudou a formar o caráter e a personalidade de Jesus, edificados e forjados nos valores morais e religiosos da cultura judaica do seu tempo, notadamente o devotamento à família, ao trabalho, à espiritualidade e a dedicação à comunidade. O amor de José por Jesus revelou-se como uma imagem da ternura de Deus Pai para com Seu Filho no mistério da Encarnação à Ressureição.

Por Padre Luiz Roberto Teixeira Di Lascio – Arquidiocese de Campinas–São Paulo

Para Canção Nova

Você também pode gostar

1 comentário

Cleusa Maria Bonetti da Silva 17 de março de 2021 - 00:33

Conhecer a vida de Jesus., nos incentiva a continuar na evangelização

Resposta

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Supomos que você esteja ok com isso, mas você pode optar por não usar os cookies, se desejar. Aceito

0
    0
    Seu Carrinho
    Seu Carrinho está VazioVoltar para a Loja
    Precisa de Ajuda?