#minisermão: Semana Santa – Quarta-feira

por Redação
#minisermão: Semana Santa - Quarta-feira

Confira o #minisermão desta quarta-feira Santa: Toda corrupção procura se organizar sob a forma de um sistema: os filhos das trevas são espertos (Mt 26,14-25).

Evangelho (Mt 26,14-25)

Naquele tempo, 14um dos doze discípulos, chamado Judas Iscariotes, foi ter com os sumos sacerdotes 15e disse: “Que me dareis se vos entregar Jesus?” Combinaram, então, trinta moedas de prata. 16E daí em diante, Judas procurava uma oportunidade para entregar Jesus. 17No primeiro dia da festa dos Ázimos, os discípulos aproximaram-se de Jesus e perguntaram: “Onde queres que façamos os preparativos para comer a Páscoa?” 18Jesus respondeu: “Ide à cidade, procurai certo homem e dizei-lhe: ‘O Mestre manda dizer: o meu tempo está próximo, vou celebrar a Páscoa em tua casa, junto com meus discípulos’”.19Os discípulos fizeram como Jesus mandou e prepararam a Páscoa. 20Ao cair da tarde, Jesus pôs-se à mesa com os doze discípulos. 21Enquanto comiam, Jesus disse: “Em verdade eu vos digo, um de vós vai me trair”. 22Eles ficaram muito tristes e, um por um, começaram a lhe perguntar: “Senhor, será que sou eu?”23Jesus respondeu: “Quem vai me trair é aquele que comigo põe a mão no prato. 24O Filho do Homem vai morrer, conforme diz a Escritura a respeito dele. Contudo, ai daquele que trair o Filho do Homem! Seria melhor que nunca tivesse nascido!” 25Então Judas, o traidor, perguntou: “Mestre, serei eu?” Jesus lhe respondeu: “Tu o dizes”.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

#minisermao

Toda corrupção procura se organizar sob a forma de um sistema: os filhos das trevas são espertos. Foi assim com o corrupto Judas Iscariotes, que decidiu trair Jesus, procurou os sumos sacerdotes e negociou um preço, 30 moedas de prata, e procurava uma estratégia, uma ocasião, um jeito de realizar o seu plano malvado. Os corruptos não conseguem sucesso na sua corrupção sozinhos, se organizam, elaboram regras! Existe um crime organizado! Se quisermos vencer a corrupção, é preciso acender a luz no momento das trevas e mostrar aonde está o sistema diabólico da corrupção, para que toda a sociedade veja e combata esse tipo de mal (Mt 26,14-25).

Pe. Joãozinho, scj

Ouça!

Diretório Catequese

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Supomos que você esteja ok com isso, mas você pode optar por não usar os cookies, se desejar. Aceito

0
    0
    Seu Carrinho
    Seu Carrinho está VazioVoltar para a Loja
    Precisa de Ajuda?