Home FormaçãoDoutrina Bento XVI nega ser co-autor do livro que defende celibato

Bento XVI nega ser co-autor do livro que defende celibato

por Fábio Castro
celibato
Compartilhe:

Papa Bento XVI negou ser co-autor do livro que defende celibato dos padres

Celibato: O papa Emérito Bento XVI pediu que seu nome fosse retirado de um controvertido livro sobre o celibato, disse seu secretário particular, monsenhor Georg Gaenswein, prefeito da Casa Pontifícia, à agência Ansa nesta terça-feira

 

Conheça o Catequistas Brasil, o maior Evento para catequistas que você já viu!

 

Diretório Catequese

 

Sobre o Celibato

Nota Oficial:

(ANSA) – Cidade do Vaticano, 14 de janeiro – O secretário pessoal de Bento XVI, Georg Gänswein, disse à ANSA na terça-feira que solicitou a remoção do nome do ex-papa como co-autor de um controverso livro novo. Nos comentários do livro apresentados como coautores do cardeal Robert Sarah, Bento XVI é citado por dizer que o celibato é de “grande importância”, pois garante que os clérigos podem se concentrar em seu trabalho. O caso causou polêmica, já que o Papa Francisco está considerando uma proposta para permitir que homens casados ​​sejam ordenados na região amazônica.
“Posso confirmar que, nesta manhã, segui as instruções do papa emérito e pedi ao cardeal Robert Sarah que contatasse os editores do livro e pedisse que removessem o nome de Bento XVI como co-autor do livro e removessem sua assinatura da introdução e do livro. conclusões também “, disse Gänswein à ANSA.

 

 

 

Fonte: https://www.ansa.it/english/news/2020/01/14/request-made-to-remove-benedict-name-from-book-gaenswein_e50ebfef-1570-49d3-a0b1-c832c51f1f98.html

 

Você também pode gostar

2 comentários

FAUSTO RAMOS 14 de janeiro de 2020 - 12:38

Não foi o Papa Emérito Bento XVI, mas o seu secretário quem afirmou a suposta negação. Acontece que o próprio Cardeal Sarah comprovou que Bento XVI sabia e também aprovou todo o projeto do livro, inclusive da capa.

Resposta
A missão de incentivar Jovens Catequistas 5 de março de 2020 - 11:46

[…] Leia mais: Por que o batismo é realizado em crianças? […]

Resposta

Deixe um comentário