#minisermão: 1ª Semana da Quaresma – Terça-feira

por Redação

Confira o minisermão desta terça-feira: “Quando precisamos multiplicar as palavras, é porque não sabemos o que dizer (Mt 6,7-15).”

Evangelho (Mt 6,7-15)

Naquele tempo, disse Jesus aos seus discípulos: 7“Quando orardes, não useis muitas palavras, como fazem os pagãos. Eles pensam que serão ouvidos por força das muitas palavras. 8Não sejais como eles, pois vosso Pai sabe do que precisais, muito antes que vós o peçais. 9Vós deveis rezar assim: Pai nosso que estás nos céus, santificado seja o teu nome; 10venha o teu Reino; seja feita a tua vontade, assim na terra como nos céus. 11O pão nosso de cada dia dá-nos hoje. 12Perdoa as nossas ofensas, assim como nós perdoamos a quem nos tem ofendido, 13e não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal. 14De fato, se vós perdoardes aos homens as faltas que eles cometeram, vosso Pai que está nos céus também vos perdoará. 15Mas, se vós não perdoardes aos homens, vosso Pai também não perdoará as faltas que vós cometestes”.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

#minisermao

Quando precisamos multiplicar as palavras, é porque não sabemos o que dizer. Lembre-se da carta de Padre Antônio Vieira para o Rei de Portugal: “Desculpe-me, Alteza, terei que me prolongar, pois não tive tempo suficiente de me preparar para ser breve”. Quem sabe o que dizer, fala pouco. Quem tem a sabedoria do Céu, reza com poucas palavras e entende os mistérios do silêncio, que fala mais do que a canção, porque o silêncio é a voz do coração. Jesus nos ensinou uma prece muito breve, mas que diz tudo: o Pai está no Céu e o pão está aqui (Mt 6,7-15).

Pe. Joãozinho, scj

Ouça!

 

Diretório Catequese

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Supomos que você esteja ok com isso, mas você pode optar por não usar os cookies, se desejar. Aceito

0
    0
    Seu Carrinho
    Seu Carrinho está VazioVoltar para a Loja
    Precisa de Ajuda?