Home Liturgia #minisermão: Quinta-feira depois da Epifania do Natal

#minisermão: Quinta-feira depois da Epifania do Natal

por Redação
#minisermão: Quinta-feira depois da Epifania do Natal
Compartilhe:

Confira o #minisermão desta quinta-feira: “Quem vive na força e no poder do Espírito Santo tem seus passos, sua voz e seus pensamentos movidos pela força divina (Lc 4,14-22)”

Evangelho (Lc 4,14-22a)

Naquele tempo, 14Jesus voltou para a Galiléia, com a força do Espírito, e sua fama espalhou-se por toda a redondeza. 15Ele ensinava nas suas sinagogas e todos o elogiavam. 16E veio à cidade de Nazaré, onde se tinha criado. Conforme seu costume, entrou na sinagoga no sábado, e levantou-se para fazer a leitura. 17Deram-lhe o livro do profeta Isaías. Abrindo o livro, Jesus achou a passagem em que está escrito: 18″O Espírito do Senhor está sobre mim, porque ele me consagrou com a unção para anunciar a Boa Nova aos pobres; enviou-me para proclamar a libertação aos cativos e aos cegos a recuperação da vista; para libertar os oprimidos 19e para proclamar um ano da graça do Senhor.” 20Depois fechou o livro, entregou-o ao ajudante, e sentou-se. Todos os que estavam na sinagoga tinham os olhos fixos nele. 21Então começou a dizer-lhes: “Hoje se cumpriu esta passagem da Escritura que acabastes de ouvir.” 22aTodos davam testemunho a seu respeito, admirados com as palavras cheias de encanto que saíam da sua boca.

— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.

#minisermão

Quem vive na força e no poder do Espírito Santo tem seus passos, sua voz e seus pensamentos movidos pela força divina. Jesus vivia na força do Espírito! Foi o Espírito que o levou para o deserto para ser tentado; foi o Espírito que levou Jesus naquele dia até a sinagoga de Nazaré, e foi o Espírito que inspirou sua palavra para dizer: “Hoje se cumpriu a escritura”. Jesus era movido pelo Espírito para falar. O Espírito o levava para o alto do monte para rezar, e era o Espírito que falava em sua voz. A força de Deus pode mover os nossos passos, o nosso olhar; pode entrar no mais profundo dos corações, e discernir as realidades e até nos ensinar coisas que não sabemos. Viva na força e no poder do Espírito Santo (Lc 4,14-22)!

Pe. Joãozinho, scj

Ouça!

 

Diretório Catequese

Você também pode gostar

Deixe um comentário