#minisermão: 2ª Semana da Quaresma – Quinta-feira

por Redação

Confira o #minisermão desta quinta-feira: “A vida é muito breve; temos pouco tempo para viver bem e conquistar a eternidade (Lc 16,19-31).”

Evangelho (Lc 16,19-31)

Naquele tempo, disse Jesus aos fariseus: 19“Havia um homem rico, que se vestia com roupas finas e elegantes e fazia festas esplêndidas todos os dias.20Um pobre, chamado Lázaro, cheio de feridas, estava no chão, à porta do rico. 21Ele queria matar a fome com as sobras que caíam da mesa do rico. E, além disso, vinham os cachorros lamber suas feridas.22Quando o pobre morreu, os anjos levaram-no para junto de Abraão. Morreu também o rico e foi enterrado. 23Na região dos mortos, no meio dos tormentos, o rico levantou os olhos e viu de longe a Abraão, com Lázaro ao seu lado. 24Então gritou: ‘Pai Abraão, tem piedade de mim! Manda Lázaro molhar a ponta do dedo para me refrescar a língua, porque sofro muito nestas chamas’.25Mas Abraão respondeu: ‘Filho, lembra-te de que recebeste teus bens durante a vida e Lázaro, por sua vez, os males. Agora, porém, ele encontra aqui consolo e tu és atormentado. 26E, além disso, há grande abismo entre nós: por mais que alguém desejasse, não poderia passar daqui para junto de vós, e nem os daí poderiam atravessar até nós’.27O rico insistiu: ‘Pai, eu te suplico, manda Lázaro à casa de meu pai, 28porque eu tenho cinco irmãos. Manda preveni-los, para que não venham também eles para este lugar de tormento’. 29Mas Abraão respondeu: ‘Eles têm Moisés e os profetas, que os escutem!’30O rico insistiu: ‘Não, Pai Abraão, mas se um dos mortos for até eles, certamente vão se converter’. 31Mas Abraão lhe disse: ‘Se não escutam a Moisés, nem aos Profetas, eles não acreditarão, mesmo que alguém ressuscite dos mortos”’.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.

#minisermao

A vida é muito breve; temos pouco tempo para viver bem e conquistar a eternidade. O Céu mora na Terra em cada gesto de solidariedade com o irmão mais pobre, mais sofrido, aquele irmão caído no chão e que precisa de uma atitude de cada um de nós. É preciso dar um pedacinho de dignidade para esse irmão, para um dia ouvir Deus dizer: “Entra para o Reino dos solidários! Entra para o Reino daqueles que construíram o Céu na Terra e, por isso, podem ter uma terra no Céu. Temos pouco tempo para abraçar, para sorrir, para nos solidarizar. Que este tempo da eternidade seja hoje (Lc 16,19-31)!

Pe. Joãozinho, scj

Ouça!

 

Diretório Catequese

Você também pode gostar

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Supomos que você esteja ok com isso, mas você pode optar por não usar os cookies, se desejar. Aceito

0
    0
    Seu Carrinho
    Seu Carrinho está VazioVoltar para a Loja
    Precisa de Ajuda?