True

59ª AG CNBB avalia estudo Nº 114 para Animação Bíblico Pastoral
Comissão Bíblico-Catequética propõe avaliação da recepção na Igreja no Brasil do Estudo Nº 114 aprovado na 58ª Assembleia Geral da CNBB (2021)

Na segunda sessão da 59ª Assembleia Geral da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), na tarde da segunda-feira, (25), o arcebispo de Curitiba (PR) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-Catequética, dom José Antônio Peruzzo, apresentou a publicação Estudo nº 114 da CNBB cujo título é: “E a Palavra habitou entre nós” (Jo 1,14): Animação Bíblica da Pastoral a partir das comunidades eclesiais missionárias”, aprovado pela 58ª AG da CNBB.

O arcebispo de Curitiba ressaltou que muitos dos desafios apontados para a ação da Igreja no Brasil seriam superados caso fosse priorizado, com mais força, a organização das comunidades eclesiais missionárias tendo como centro a vivência bíblica.

O presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-Catequética apresentou todos os capítulos do subsídio: Capítulo 1 – A Palavra fala da Palavra; Capítulo 2 – É tempo de semear; Capítulo 3 – A Palavra de Deus e os desafios à semeadura; Capítulo 4 – Semeadores à semelhança do Bom Semeador; Capítulo 5 – A Palavra de Deus em diversos tipos de terreno; Capítulo 6 – A Palavra de Deus: acolhida e semeadura; Capítulo 7 – A Animação Bíblica da Pastoral e sua implantação.


Recepção do Estudo nº 114 na Igreja no Brasil

O Estudo de número 114 da CNBB é o resultado do esforço de uma comissão de bispos e assessores, cujo trabalho se inseriu em uma ampla escuta de catequistas, biblistas, pastoralistas e comissões pastorais em âmbito nacional, no anseio de estimular a Animação Bíblica da Pastoral e incentivar todas as forças evangelizadoras para que a Palavra de Deus esteja ainda mais na vida das pessoas, nutrindo-as e fortalecendo-as no anúncio do Reino.

As indicações apresentadas querem ser o ponto de partida para um rico processo de atuação da Igreja no Brasil, processo que certamente ultrapassará o período de vigência das atuais Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (DGAE), recordando que o amor à Palavra de Deus e o compromisso missionário nunca se extinguem.

Ao final da apresentação, o presidente da Comissão Bíblico-Catequética da CNBB encaminhou ao episcopado a metodologia de avaliação do processo desencadeado, na Igreja no Brasil, a partir do Estudo nº 114, com foco em como as Igrejas particulares estão fazendo a recepção do documento. Os bispos foram convidados a responder as perguntas: Há experiências significativas? Quais são os temas que ainda precisam ser acrescentados ou acentuados na redação final do Estudo 114 para a aprovação como Documento? As avaliações do episcopado brasileiro serão sistematizadas pela Comissão Bíblico-Catequética.

Com informações de CNBB
Sentar-se à mesa: o sinal da Páscoa
O ciclo da Páscoa, que teve início na Quarta-feira de Cinzas, dando abertura à Quaresma, perdurará até a Solenidade de Pentecostes

Whatsapp Catequistas

Bem-vindo(a) ao nosso WhatsApp. Escolha um de nossos atendentes disponíveis no momento ou deixe sua mensagem que responderemos o mais rápido possível.